COMPARTILHAR

A Palavra

Para começar bem a semana: “Porque cada qual levará a sua própria carga. Não erreis: Deus não se deixa escarnecer. Porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará. Porque o que semeia na sua carne, da carne ceifará a corrupção. Mas o que semeia no espírito, do espírito ceifará a vida eterna. E não nos cansemos de fazer bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não houvermos desfalecido.” (Gálatas 6:5-9)

 

Eles nas redes sociais

“Eu quando é Uber homem: olá boa noite. Quando é Uber mulher: olá boa noite grande guerreira automobilística como foi seu dia carro limpinho cheiroso que coisa linda você é muito abençoada sabia parabéns tô adorando a corrida menina você não sabe o que aconteceu ontem.”

@maristelice

***

“Eu não consigo mais olhar pro logotipo da Copa e não ver um barbeador.”

@renatadiem

 

RACHEL Pires, Alessandra e Carla Marianelli no Mokai, em evento para festas de 15 anos
(Luiz Carlos Umbelino)

  

Go, Mr. Mendes!

Ele não tinha fôlego nem para 100 metros. Ex-fumante, Abimar Mendes, o antenado cabeleireiro Mendes, deu a volta por cima, literalmente! Com um personal de corrida, desenvolveu treinos gradativos e foi pegando resistência. “Comecei com 10 km em Vitória. Depois Garoto (16 km) e meia maratona do Rio. Três semanas antes de embarcar para a minha primeira maratona, na França, fraturei meu pé. Pensei em desistir, mas a força era maior. Recuperei e voltei aos treinos”, conta.

***
Seu maior desafio foi a Maratona de Nova Iorque. “Experiência única, 3 milhões de pessoas aplaudindo e gritando meu nome: ‘Go, Mr. Mendes!’. Foram 42,5 km, em 3h48 de glória. A segunda foi a de Paris”, disse. Outra lesão ano passado, por excesso, o deixou dois meses de muletas. “Agora estou de volta. Amo estar sozinho às 5h da manhã, mesmo com dilúvio, correndo no calçadão de Camburi. Minha próxima prova será Berlim, em setembro, e depois Londres, em abril de 2019. A superação engrandece a alma”, disse-nos.

 

O ESTILISTA Júnior Santaella, famoso por seus vestidos de noivas, com Ricardo Silveira em recente encontro em São Paulo

 

 

Cenário desolador

É cada vez maior o número de cidadãos morando nas ruas de Vitória. Há casos de famílias inteiras instaladas em praças! Paralelamente, também cresce de forma assustadora o número de pedintes em calçadas e sinais. Questão de humanidade, de dignidade, que precisa de atenção maior das autoridades. Porque o que vem sendo feito claramente não tem dado resultados. Hein?

 

Proteção na ponte

Para discutir e esclarecer sobre os meios de proteção que serão instalados em toda a extensão da Terceira Ponte, a Assembleia Legislativa convocou o presidente da Agência de Regulação de Serviços Públicos do Espírito Santo (ARSP), Antonio Julio Castiglioni. Ele será ouvido pela Comissão de Infraestrutura da Casa hoje, às 10h, no Plenário Rui Barbosa.

 

Educação em pauta

O Seminário Tribuna de Educação será realizado amanhã, das 9h às 13h, no Itamaraty Hall, com palestras da empresária e consultora empresarial Surama Jurdi, sobre “Liderança de atitude – a magia e o segredo da excelência”; e Marcos Piangers, autor do livro “O Papai é Pop”, que falará a respeito de “Inovação – uma espiada no futuro”. Inscrições no www.seminariostribuna.com.br.

 

MARCEL Carone na comemoração de seus 39 anos em sua residência em Brasília, carinhosamente chamada de “Embaixada Capixaba”, com a modelo e empresária Luiza Brunet
(Napoleão de Castro)

 

Cabo submarino

O capixaba Fabio Coelho, presidente do Google Brasil, diz que, até o fim do ano, dois cabos submarinos nos quais a gigante investiu vão entrar em operação: o Tannat, que vai de São Paulo a Maldonado, no Uruguai, e o Júnior, que vai ligar a cidade do Rio de Janeiro a Praia Grande, na Baixada Santista, São Paulo. Os cabos se tornam cada vez mais necessários à medida que o Google avança em computação na nuvem, apesar de a empresa afirmar que preferiria não ter que estar no ramo de construção de cabos.

 

Inversão de papéis

O acolhimento dos pais em casa, quando eles não podem mais morar sozinhos, pode ser muito mais desafiador se houver crianças ou adolescentes. Segundo o psicólogo Gustavo Souza, de residência assistida, a convivência entre gerações costuma ser mais custosa. “É importante entender que o momento vai exigir paciência. O idoso pode até reagir com agressividade ao perceber que depende de outras pessoas. Uma dica é criar atividades para que ele se sinta útil no lar, como descascar verdura, dobrar roupas e contar histórias para as crianças”, aconselha.

 

Aperfeiçoamento em vinhos

O professor de enologia da Associação Brasileira de Sommeliers (ABS), Célio Alzer, compartilha mais uma vez seu conhecimento sobre vinhos no Vitória Expovinhos 2018 – 10º Salão Internacional do Vinho, marcado para os dias 27 e 28, no Centro de Convenções de Vitória. Nesta edição comemorativa do evento, o enólogo dará dois cursos para profissionais de restaurantes, hotéis e delicatessen sobre algumas técnicas de serviço de vinhos.

CIRCUITO

 

O SILÊNCIO traz uma série de benefícios para a mente e para o trabalho, sendo indispensável para regenerar nosso cérebro, apontam cientistas. Ele tem quase o mesmo benefício do descanso. Na prática, é o princípio similar ao da meditação.

 

OS DJs Valença, Art.u, Zogaib, Guga Prates, Cesquim e Paolla B agitam a festa Cream, no próximo sábado, às 22h, no Spirito Jazz.

 

CAPIXABAS terão até o próximo dia 30 para ajudar na elaboração do orçamento do governo do Estado reativo ao ano de 2019. As participações serão por meio do site Orçamento em Rede (www.orcamento.es.gov.br).

 

LUIZA Bragatto recebe para a inauguração da unidade Jardins de seu espaço de beleza, hoje, às 19h, no Jardim Paulista, São Paulo.

 

RIVELINO Amaral, diretor da OAB-ES, foi presença no Conselho Nacional do Ministério Público, em Brasília, acompanhando recentemente julgamento de processos de grande relevância. Também por lá, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge.

 

ARLY Coelho convida para seu espaço pop-up Simultâneo, até o próximo dia 30, no Shopping Triângulo, Praia do Canto, com peças dos fashion designers cariocas Cristina Cordeiro, Fellipe Caetano e Ivo Minoni, além da capixaba Beatriz Szpilman e obras de arte da OÁ Galeria.

 

ENSINO técnico. O Senai abriu 670 vagas para 13 cursos técnicos nas unidades capixabas, em áreas como alimentos, automação industrial, desenvolvimento de sistemas, edificações, logística, mecânica e vestuário. Matrículas até o dia 13 de julho, com as aulas no segundo semestre deste 2018.

 

PARA aumentar a produtividade do agronegócio capixaba, desenvolver o setor de plásticos e contribuir com a melhoria da competitividade, o Sindiplast-ES e o Incaper estão desenvolvendo o projeto Plástico na Agricultura. Uma das propostas é trabalhar políticas públicas de logística reversa relacionadas ao uso do material no agronegócio.

 

LANÇADO no Brasil com atraso, o livro “O Romance Luminoso”, do uruguaio Mario Levrero, fala sobre a impossibilidade de escrever. A obra póstuma do autor, lançada em 2005 e que só chegou agora por aqui, é considerada uma das mais importantes das últimas décadas na América Latina.

 

E TOCA A VIDA!

COMPARTILHAR
Artigo anteriorColuna 17 de junho
Próximo artigoColuna 19 de junho
Foto de perfil de Maurício Prates
Maurício Prates nasceu em Cachoeiro de Itapemirim e a comunicação em sua vida começou muito cedo. Aos 11 anos, em 1954, produziu o seu primeiro jornal. Um jornalzinho que falava da escola, dos estabelecimentos de ensino professor Alfredo Herkenhoff. Foi até a papelaria Vieira e pesquisou com Geraldino Poubel o preço da publicação e em seguida percorreu o comércio para vender anúncios e cobrir a despesa do seu primeiro jornal. Não ganhou nada. Só mesmo experiência. No mês seguinte a história mudou e além de publicar o segundo número do jornal, ainda sobrou dinheiro para comprar um sapato novo, ir ao cinema e tomar, de uma só vez, três sorvetes na " Polar", a mais tradicional sorveteria da cidade. E não parou mais. E de lá para cá, deu no que deu! Maurício é bacharel em direito, mas nunca exerceu advocacia. É jornalista e radialista com registros no ministério do trabalho. Tudo guardado em sua carteira de trabalho. Uma única carteira, assinada somente por empresas do grupo João Santos. Sua magistral universidade de vida. O primeiro contrato de trabalho foi na fábrica de cimento, como auxiliar administrativo; depois foi para o Jornal Arauto - que circula desde de 1976 sob sua direção -. em 1978 foi contratado pela Nassau Editora Radio e TV e montou A Tribuna fm Cachoeiro. Em 1982 veio para Vitória dirigir a rede A Tribuna onde ficou até 1998, quando fez um acordo com A Tribuna, fechou o seu contrato de trabalho e lançou a sua coluna diária em A Tribuna, no dia 08 de outubro de 1998. "O grupo João Santos é, e sempre será uma extensão na minha vida, não somente profissional, mas principalmente pela formação de minha vida", diz Maurício Prates para quem quer ouvir.

Deixe uma resposta