COMPARTILHAR

 Eles nas redes sociais

“Pobre do país que faz do professor um inimigo”

@anacronices

***

“As pessoas se afastam porque deduzem mais do que dialogam.”

@letraespirita

 

THAINÁ Castro e Renata França
(Cloves Louzada)

 

 

Máquina mortífera

O que ainda virá? Já existem à venda no mercado drones que atiram! Comandados a distância, eles podem ser usados para matar sem que o criminoso chegue perto da vítima! É, literalmente, não saber de onde vem o tiro. Hein?

 

Lagoa Parda

A Petrobras iniciou a venda da totalidade de sua participação em três campos terrestres em produção próximos ao município de Linhares, denominados conjuntamente Polo Lagoa Parda. A empresa, que não fala em valores do negócio, é operadora dos três campos, com 100% de participação. A produção média do polo no ano de 2017 foi de 266 barris de petróleo por dia (bpd) e 20 mil m3/dia de gás.

 

Bazar solidário

A Associação Capixaba Contra o Câncer Infantil (Acacci) inaugura hoje seu estande Bazar Solidário, no Shopping Vitória, onde funciona até quinta-feira com itens produzidos no serviço de ação continuada prestado pela entidade, o Convivendo com Arte, que oferece aos acompanhantes dos pacientes a oportunidade de aprender artesanatos. São produtos como pano de prato, peso de porta, chaveiros, lápis, caneca e chinelo, com preços que variam de R$ 5,00 a R$ 40,00.

ARIOSTO Santos e o filho Arthur, em recente congresso em Miami, ladeando o presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, Níveo Steffen

 

Problemas técnicos

Na abertura do 6º Festival de Música Erudita do Espírito Santo, no último dia 3, o maestro ameaçou não iniciar o espetáculo caso os aparelhos de ar-condicionado não fossem desligados, no Teatro Carlos Gomes. O público presente teve que assistir às apresentações naquele calorão. Teve até cantora lírica que jogou o microfone no chão porque o aparelho parou de funcionar.

 

Cidade inteligente?!

Para ser atendido em uma unidade de saúde de Vitória, o cidadão tem o agendamento online. Leitora diz que tem que ser em um horário específico e as vagas esgotam muito rápido. “A consulta só é marcada para 30 dias depois, isso é tempo demais. Entre a consulta e os exames, mais um mês. Outra consulta para ver o resultado dos exames, mais um mês. Caso seja necessário encaminhamento para médico específico, outro mês!”, conta.

 

Telefone pesado!

Para bolsos folgados. A Apple anunciou os preços no Brasil dos novos modelos de iPhone, apresentados em setembro. Eles vão de R$ 5,2 mil, no caso do iPhone XR com 64Gb de memória, a R$ 10 mil, valor do modelo iPhone XS Max com 512Gb. Eu hein!

ANDRESSA Hirle e Raigna Vasconcelos
(Cloves Louzada)


Pensão para grávidas

A criança tem direito a pensão antes mesmo de nascer. A legislação garante que mulheres grávidas recebam suporte financeiro do pai do bebê para cobrir despesas com exames, medicamentos, assistência médica, enxoval, parto etc. O primeiro passo é comprovar a paternidade da criança. “Isso é possível por meio de documentos que comprovem o relacionamento, como fotos ou mensagens em redes sociais. Em alguns casos, o juiz pode até ouvir testemunhas”, orienta a advogada especialista em Direito de Família Thiêzy Menegassi.

 

Foto fake

Para identificar imagens falsas e montagens nas redes sociais, deve-se observar detalhes como bordas e sombras incompatíveis, mas pelo que aponta o desenvolvedor de sistemas Daniel Herkenhoff, até profissionais do setor estão cabreiros! Há fotos tão bem manipuladas que o amador não consegue perceber. “Há softwares específicos para pequenas modificações (como tirar um poste, ou até mesmo uma pessoa), e também outros mais poderosos. A diferença é que agora qualquer um consegue fazer”, avisa. Enfim: é rezar!

 

Jatopeia

A criatividade sem limites do brasileiro às vezes vai longe demais. Que o diga a culinária japonesa! Em muitos restaurantes, o que mais se vê são combinações brasucas. Tem sushi com rodelas de banana e salsicha, excesso de cream cheese, temaki com presunto e batata palha (o “strogomaki”), sem contar o sushi de goiabada com queijo (uai?!) e o sushi “tropical” com abacaxi. Há ainda itens decorados com pimenta biquinho e até em forma de “jatopeia”. Depois não reclamem se o Japão declarar guerra ao Brasil… 

EM EVENTO na Vale, Daniella Bernabé e Juliana Pessoa
(Cloves Louzada)

 


Ministros em Vitória

Os ministros do Superior Tribunal de Justiça Luís Felipe Salomão e Paulo de Tarso Sanseverino serão palestrantes no I Seminário de Direito da Insolvência do Estado, que será realizado no próximo dia 19, no Sheraton Vitória. Ainda na programação estarão outros grandes nomes do direito empresarial brasileiro, como o mestre em Direito e advogado empresarial Pablo Arruda. A realização é do Instituto Brasileiro de Direito da Empresa.

 

Animais nas ruas

É muito comum andar pelas ruas e encontrar um ou outro animalzinho dormindo em alguma sombra ou andando “sem rumo”. De acordo com a Organização Mundial de Saúde, mais de 30 mil animais estão abandonados somente na Grande Vitória. Trinta mil!  No centro de Vitória – cuja legislação prevê multa de R$ 100 para quem abandona –, morador foi até mordido por um cão na calçada. Nessa época de fim de ano, o número de animais abandonados aumenta por conta das viagens de férias dos seus donos.

 

Igualdade no esporte

Um projeto de lei do Executivo estadual dispõe sobre a igualdade das premiações para homens e mulheres nas competições esportivas realizadas, apoiadas e/ou patrocinadas por órgãos e entidades do poder público estadual do Espírito Santo. A matéria receberá parecer dos colegiados de Justiça, Turismo e Desporto e Finanças.

 

Herança

O novo presidente do Brasil herdará cerca de R$ 87 bilhões de investimentos pendentes. São déficits em obras de diversos setores, como a infraestrutura, que já estão encaminhadas, com estudos técnicos prontos, projetos de lei enviados ao Congresso ou obras interrompidas. O portuário Marcos Lopes diz que as grandes obras de infraestrutura paralisadas precisam ter um destino certo definido, para que o Brasil comece a recuperar o tempo perdido.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorColuna 05 de novembro
Próximo artigoColuna 07 de novembro
Foto de perfil de Maurício Prates
Maurício Prates nasceu em Cachoeiro de Itapemirim e a comunicação em sua vida começou muito cedo. Aos 11 anos, em 1954, produziu o seu primeiro jornal. Um jornalzinho que falava da escola, dos estabelecimentos de ensino professor Alfredo Herkenhoff. Foi até a papelaria Vieira e pesquisou com Geraldino Poubel o preço da publicação e em seguida percorreu o comércio para vender anúncios e cobrir a despesa do seu primeiro jornal. Não ganhou nada. Só mesmo experiência. No mês seguinte a história mudou e além de publicar o segundo número do jornal, ainda sobrou dinheiro para comprar um sapato novo, ir ao cinema e tomar, de uma só vez, três sorvetes na " Polar", a mais tradicional sorveteria da cidade. E não parou mais. E de lá para cá, deu no que deu! Maurício é bacharel em direito, mas nunca exerceu advocacia. É jornalista e radialista com registros no ministério do trabalho. Tudo guardado em sua carteira de trabalho. Uma única carteira, assinada somente por empresas do grupo João Santos. Sua magistral universidade de vida. O primeiro contrato de trabalho foi na fábrica de cimento, como auxiliar administrativo; depois foi para o Jornal Arauto - que circula desde de 1976 sob sua direção -. em 1978 foi contratado pela Nassau Editora Radio e TV e montou A Tribuna fm Cachoeiro. Em 1982 veio para Vitória dirigir a rede A Tribuna onde ficou até 1998, quando fez um acordo com A Tribuna, fechou o seu contrato de trabalho e lançou a sua coluna diária em A Tribuna, no dia 08 de outubro de 1998. "O grupo João Santos é, e sempre será uma extensão na minha vida, não somente profissional, mas principalmente pela formação de minha vida", diz Maurício Prates para quem quer ouvir.

Deixe uma resposta