COMPARTILHAR

Eles nas redes sociais

“Se você vê uma pessoa tomando o café dela quieta olhando pro nada respeite. É ela esperando a alma voltar pro corpo.”

@nikkioliveira

***

“O problema não é o horário de verão, é o verão.”

Wilker Bento

 

ROBERTHA e Soraia Genelhu lançando seu outono-inverno em “Exclusive Day” na Praia do Canto
(Cloves Louzada)

 

O mistério das ligações

Sabe aquelas chamadas insistentes de telemarketing em que atendemos a ligação e não tem ninguém do outro lado da linha? Profissionais de call center explicam que se trata de um sistema automático que faz mais ligações do que funcionários trabalhando naquele momento, tudo para não deixar atendentes ociosos. Eu, hein? A máquina liga automaticamente para muitos números e encaminha aos funcionários até que todos estejam falando com um cliente. As chamadas excedentes são encerradas – mesmo que na nossa cara!

***

O problema é que isso pode acontecer dezenas de vezes com o mesmo cliente em um só dia! O Brasil não tem uma regulamentação específica para brecar esse sistema, aí ocorrem abusos. Por enquanto, a solução é cadastrar o telefone no site do Procon para que as empresas retirem o número da base de dados para oferta de produtos e serviços por telemarketing. Também é possível bloquear números indesejados no próprio smartphone.

 

NO SALÃO do Móvel de Milão, Marília Celin, Robson Arruda e Célia Colodete conferindo os lançamentos dos 60 anos da Natuzzi e as novidades do setor de decoração

 

Alô, pais!

A bomba da vez é o patinete eletrônico. Dia desses, na rua Chapot Presvot, Praia do Canto, um garoto de aproximadamente 10 anos se machucou, inclusive com sangramento na cabeça. De acordo com a regulamentação do uso dos patinetes compartilhados, apenas maiores de 16 anos podem utilizá-los. As regras da prefeitura indicam ainda que eles só podem trafegar em calçadas (com velocidade máxima de 6km/h), ciclovias e ciclofaixas (até 20km/h). Nas ruas, só as de lazer, aos domingos e feriados.

 

Prata da casa

Em edição aberta ao público, a Faculdade de Música do Espírito Santo (Fames) estreia hoje, às 19h, projeto de intercâmbio com músicos capixabas que se destacam no cenário local, nacional e internacional, no Palácio da Cultura Sônia Cabral. A primeira edição do “Prata da Casa” terá lançamento da série audiovisual “Trio”, do músico Gean Pierre. Além da projeção dos vídeos, o público também vai conferir um pocket show e um bate-papo com o artista.

 

Há casos e casos!

O “The Washington Post” publicou o artigo “Quando um médico idoso deve dizer que está deixando a carreira?”, escrito por Jonathan Maltz, um clínico de 70 anos em atividade há quatro décadas. Ele cita casos de conhecidos que enfrentam dificuldades, como a perda da memória recente, e lista sinais que indicam que o profissional não está apto para atender pacientes. Cada um, cada um! Conheço vários médicos aqui em Vitória até acima dessa idade que estão batendo um bolão!

 

Laboratório de rochas

Detentor do maior polo industrial de processamento de rochas ornamentais da América Latina, o Espírito Santo ganhou um laboratório de caracterização de rochas ornamentais. Até então, enviava suas análises para laboratórios na Bahia e em Minas Gerais. O espaço era uma demanda antiga do segmento e resultado de um trabalho integrado envolvendo a Findes e o Sindirochas. Funciona no Senai Vila Velha e faz análises da resistência dos materiais, densidade, porosidade e absorção de água.

 

MICHELE Carasso e Andrea Pessanha Richa em coquetel na Joaquim Lyrio
(Cloves Louzada)

 

 

Alergia ao látex

O número alarmante de 1.200 novos casos de HIV registrados por ano no Estado mostra que o preservativo vem sendo deixado de lado. “Muitos pacientes reclamam que têm alergia ao látex da camisinha, mas ele não é o único material que pode causar alergia. Algumas contém aromatizantes, produtos para dar cheiro e sabor. É interessante escolher preservativos mais simples, com menos lubrificação, sem sabor e cheiros diferenciados. Já existem opções feitas de poliuretano”, disse a ginecologista Lorena Baldoto. Não tem desculpa!

 

Corrida da colonização

A Escola de Aprendizes-Marinheiros do Espírito Santo (Eames) realiza no dia 26 de maio a sua 3ª Corrida Histórica da Colonização, que já faz parte do calendário oficial das comemorações da Colonização do Solo Espírito-Santense. O Instituto Histórico e Geográfico de Vila Velha fez um levantamento de dados e sugeriu o traçado dos 10 km de corrida, passando pelos pontos importantes do sítio histórico. Haverá ainda uma exposição, sob curadoria de Manoel Goes.

CIRCUITO

 

A LÍDER espiritual monja Coen acaba de lançar seu novo livro, “Verdade?”, que inspira a reflexão sobre a repetição de padrões e apresenta novas interpretações para os ditados populares. Ao avaliar a frase “Quem espera sempre alcança”, por exemplo, ela defende que esperar não é suficiente: “É preciso agir para alcançar os objetivos”. Concordo total!

 

MARTHA Paiva convida para uma celebração de Páscoa, entre as novidades da coleção de inverno do seu espaço de moda, hoje, às 17h, na Praia do Canto.

 

FERNANDO Machado Júnior aniversaria no próximo domingo e comemora com uma festa ao pôr-do-sol em sua residência na praia de Itapuã, Vila Velha.

 

EMERSON Pessin e Rodrigo Fardim convidam para a reinauguração de seu Fardim Culinária Capixaba, hoje, no km 298 da rodovia ES-164, em Pedra Azul, Domingos Martins.

 

A ESCOLA Superior de Magistratura do Espírito Santo (Esmages) e o Fórum Permanente de Juízes de Família do Tribunal de Justiça do Espírito Santo promovem a palestra “Práticas Colaborativas em Direito de Família”, com a advogada Olivia Fürst, uma das responsáveis pelo projeto Práticas Colaborativas no Direito de Família, que conquistou o prêmio Innovare 2013. Será hoje, às 13h30, no prédio da Corregedoria-Geral de Justiça.

 

HOJE é Dia do Obstetra. Amanhã, Dia do Office-Boy, Dia do Beijo, Dia do Hino Nacional Brasileiro, Dia do Jovem e Dia da Carta Régia. No domingo é celebrado o Domingo de Ramos e Dia Mundial do Café.

 

CÉSAR Ronaldo Gomes e Alcides Moraes apresentaram aos novos membros da diretoria da Unimed as instalações do primeiro Hospital de Olhos de Vitória. A Clínica de Olhos da Praia investiu em alta tecnologia e se tornou o primeiro Hospital de Oftalmologia do Estado.

 

MARTHA Campos prepara para Ivete Sangalo, que desembarca em terras capixabas amanhã, uma placa em acrílico em comemoração aos 25 anos de carreira da artista, celebrados no DVD recém-lançado “Ivete Live Experience”.

 

O FERIADO de Corpus Christi será agitado na região do Caparaó, com o 3º Festival de Inverno de Guaçuí, entre 19 e 23 de junho, no Parque de Exposições, tendo como principais atrações Wilson Sideral (19/6), Frejat (20/6), Paula Toller (21/6) e Emmerson Nogueira (22/6), além de outros shows com bandas locais e covers de artistas internacionais.

 

E TOCA A VIDA!

COMPARTILHAR
Artigo anteriorAniversário de Valéria Latuffe Nemer – Fotos: Cloves louzada
Próximo artigoColuna 13 de abril
Foto de perfil de Maurício Prates
Maurício Prates nasceu em Cachoeiro de Itapemirim e a comunicação em sua vida começou muito cedo. Aos 11 anos, em 1954, produziu o seu primeiro jornal. Um jornalzinho que falava da escola, dos estabelecimentos de ensino professor Alfredo Herkenhoff. Foi até a papelaria Vieira e pesquisou com Geraldino Poubel o preço da publicação e em seguida percorreu o comércio para vender anúncios e cobrir a despesa do seu primeiro jornal. Não ganhou nada. Só mesmo experiência. No mês seguinte a história mudou e além de publicar o segundo número do jornal, ainda sobrou dinheiro para comprar um sapato novo, ir ao cinema e tomar, de uma só vez, três sorvetes na " Polar", a mais tradicional sorveteria da cidade. E não parou mais. E de lá para cá, deu no que deu! Maurício é bacharel em direito, mas nunca exerceu advocacia. É jornalista e radialista com registros no ministério do trabalho. Tudo guardado em sua carteira de trabalho. Uma única carteira, assinada somente por empresas do grupo João Santos. Sua magistral universidade de vida. O primeiro contrato de trabalho foi na fábrica de cimento, como auxiliar administrativo; depois foi para o Jornal Arauto - que circula desde de 1976 sob sua direção -. em 1978 foi contratado pela Nassau Editora Radio e TV e montou A Tribuna fm Cachoeiro. Em 1982 veio para Vitória dirigir a rede A Tribuna onde ficou até 1998, quando fez um acordo com A Tribuna, fechou o seu contrato de trabalho e lançou a sua coluna diária em A Tribuna, no dia 08 de outubro de 1998. "O grupo João Santos é, e sempre será uma extensão na minha vida, não somente profissional, mas principalmente pela formação de minha vida", diz Maurício Prates para quem quer ouvir.

Deixe uma resposta