Eles nas redes sociais

“Os supermercados lançam sacolas biodegradáveis e o governo autoriza 211 agrotóxicos. Melhor jogar fora a alface e comer a sacola.”

@triopes

***

“Nada se compara ao poder de saber que sou eu que permito alguém a me magoar, ou não!”

Andrea Cardoni

 

O CASAL Marcelo Netto e Letícia Rody ladeando o enólogo Raúl Pérez em noite de jantar harmonizado com seus vinhos no Cosmô
(Cloves Louzada)

 

Coração de gelo

Grupo de voluntários de Vila Velha criou um espaço na praia de Itaparica para que pessoas pudessem doar casacos, cobertores e demais roupas de frio neste inverno, fixando uma placa de “Doe aqui” e uma caixa para o depósito das peças no calçadão. Dias depois, um morador da orla foi visto tirando os itens da campanha solidária por estar, segundo ele, “enfeando” e “empobrecendo” o local. Assim caminha a humanidade…

 

Santa oliveira

Santa Teresa vai ganhar a primeira agroindústria para extração de azeite de oliva do Estado, com investimento estimado em R$ 2 milhões. Já na safra 2020/21, a meta é produzir azeite de qualidade e genuinamente capixaba em escala comercial. Já são 115 propriedades rurais capixabas, com área plantada de 186,5 hectares, em 15 municípios serranos. Em 2018, houve a extração experimental do primeiro azeite capixaba.

 

Pensão na nova Previdência

A reforma da Previdência prevê que a pensão por morte será de 60% do valor mais 10% por dependente adicional. Ou seja, se o beneficiário tiver um dependente, receberá 60%; se tiver dois dependentes, 70%; até o limite de 100% para cinco ou mais dependentes. Esclarecendo dúvida de leitor da coluna, quem já recebe pensão por morte não terá o valor de seu benefício alterado. Pelas regras atuais, o benefício é de 100% para segurados do INSS, respeitando o teto de R$ 5.839,45, e, para servidores públicos, 100% mais 70% da parcela que superar o teto.

PEDRO Paulo e Ithannarah Bragio na inauguração do Barlavento, na praia de Camburi, terça-feira última
(Monique Janutt)

 

Temporada de plásticas

O inverno é a estação mais procurada para a realização de cirurgias plásticas. De acordo com o cirurgião plástico Fábio Zamprogno, o volume de procedimentos praticamente dobra em relação ao verão. “Em geral, nos meses mais frescos o pós-operatório é mais confortável, especialmente após os procedimentos na face, que pedem o afastamento do sol, e os que exigem o uso de cintas modeladoras, como a abdominoplastia. O inchaço e a possibilidade de edemas nessa época também são menores”, explica.

 

Rio Doce

Quinze projetos de universidades mineiras e capixabas foram escolhidos para participar de pesquisas para identificar formas de recuperação das áreas da bacia do Rio Doce, impactadas pelo rompimento da barragem de Fundão, em Mariana. No total, receberão R$ 5,6 milhões em apoio. Há projetos voltados para o desenvolvimento sustentável, como o da Universidade de Ouro Preto (Ufop), que propõe a utilização do rejeito para fabricação de tijolos. Já a Ufes pretende desenvolver meios para o monitoramento do ecossistema em áreas com influência da foz.

 

Sétima arte

O Festival de Cinema de Vitória, que não cobra ingressos nas exibições, teve que cortar algumas de suas atrações para se adequar ao fim do patrocínio da Petrobras, anunciado em fevereiro. O Festivalzinho de Cinema, que atendia até 3,5 mil crianças, deve ser reduzido. A itinerância em cidades do interior também poderá deixar de acontecer, segundo a produção do evento, que agora conta com apoios locais. Mais de 100 filmes foram selecionados para o festival, que será de 24 a 29 de setembro.

ANNA Clara Rollemberg, Amanda Loyola, a maquiadora e anfitriã Mari Roncetti e Pérola Lynda na Mata da Praia
(André Fortes)

 

Da terrinha

É de Cachoeiro de Itapemirim! Mais um capixaba fará parte da NBA a partir da temporada 2019/2020. O jogador de basquete profissional Marcos Louzada Silva, mais conhecido como Didi, foi selecionado pelo New Orleans Pelicans, sendo a 35ª escolha na segunda rodada do processo de recrutamento de jovens atletas da liga norte-americana de basquete. Assim, tornou-se o 18º brasileiro a atuar na NBA. “Estou bastante emocionado”, disse o ala, de 1,95 metro e 20 anos de idade.

 

A vez das baleias

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, destacou a organização dos serviços náuticos especializados em turismo de avistamento de baleias no Espírito Santo. “A contemplação de baleias, além de ser uma experiência riquíssima e um diferencial da oferta turística de Vitória, é capaz de gerar emprego e renda para todos os envolvidos nesse tipo de serviço, fortalecendo a cadeia produtiva que tem se estruturado em torno do turismo de observação de baleias”, disse. A temporada vai até outubro.

CIRCUITO

 

DEPOIS do eclipse solar total, vem aí um eclipse lunar parcial no próximo dia 16, terça-feira. O eclipse parcial acontece quando a Lua passa parcialmente – não totalmente – na sombra da Terra. Por aqui, o fenômeno começa às 17h30 e vai durar até próximo das 20h, com ápice às 18h30, onde boa parte da Lua vai estar escura e aparentará ser crescente.

 

DENISE e Guilherme Cruz comemoram a notícia de que serão avós. Aguardam para o início de janeiro o nascimento da neta, filha de Bárbara e Eduardo, que deverá se chamar Helena.

 

A ORQUESTRA Sinfônica do Espírito Santo apresenta hoje um concerto com obras do alemão Richard Wagner, do francês Maurice Ravel e do russo Rimsky-Korsakov, às 20h, no Teatro Universitário da Ufes, com a presença do pianista Aleyson Scopel, como solista, e do maestro convidado, o carioca André Cardoso.

 

OS FARMACÊUTICOS Raigna Vasconcelos e Júlio Campagnaro participaram ontem, em São Paulo, do 14º Congresso Consulfarma, um dos mais importantes eventos do segmento, que reuniu os principais nomes do mercado.

 

A ANCINE promove hoje e amanhã um encontro para discutir as etapas de concepção e aprovação de projetos audiovisuais, além de assuntos como tramitação, acompanhamento e prestação de contas. O evento será às 9h, no auditório do Sebrae/ES, e inclui a capacitação de produtores sobre o Fundo Setorial do Audiovisual (FSA).

 

MARTHA Paiva recebe em tarde de São João na próxima segunda-feira, às 16h, em seu espaço de moda na Praia do Canto.

 

ÁLISSON Palma e Leandro Velcir estão expandindo as fronteiras de seu espaço de móveis personalizados, em Santa Lúcia. Recentemente, eles montaram um apartamento na Vila Mariana e uma clínica médica no Morumbi, em São Paulo.

 

O CORAL Algazarra faz homenagem ao Dia Internacional do Rock, sábado, com regência da maestrina Alice Nascimento, às 19h30, no Sesc Glória. Participação de 50 vozes dos Corais Show Mata da Praia e Jardim Camburi e também do Corallito.

 

A SERRA vai ganhar o maior centro de recuperação de animais silvestres do Estado graças à doação, feita pela prefeitura, de uma área de 14.500 metros quadrados para o Ibama. A área será utilizada para a expansão do Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas), em Barcelona.

 

E TOCA A VIDA!

Artigo anteriorColuna 10 de julho
Próximo artigoColuna 12 de julho
Maurício Prates nasceu em Cachoeiro de Itapemirim e a comunicação em sua vida começou muito cedo. Aos 11 anos, em 1954, produziu o seu primeiro jornal. Um jornalzinho que falava da escola, dos estabelecimentos de ensino professor Alfredo Herkenhoff. Foi até a papelaria Vieira e pesquisou com Geraldino Poubel o preço da publicação e em seguida percorreu o comércio para vender anúncios e cobrir a despesa do seu primeiro jornal. Não ganhou nada. Só mesmo experiência. No mês seguinte a história mudou e além de publicar o segundo número do jornal, ainda sobrou dinheiro para comprar um sapato novo, ir ao cinema e tomar, de uma só vez, três sorvetes na " Polar", a mais tradicional sorveteria da cidade. E não parou mais. E de lá para cá, deu no que deu! Maurício é bacharel em direito, mas nunca exerceu advocacia. É jornalista e radialista com registros no ministério do trabalho. Tudo guardado em sua carteira de trabalho. Uma única carteira, assinada somente por empresas do grupo João Santos. Sua magistral universidade de vida. O primeiro contrato de trabalho foi na fábrica de cimento, como auxiliar administrativo; depois foi para o Jornal Arauto - que circula desde de 1976 sob sua direção -. em 1978 foi contratado pela Nassau Editora Radio e TV e montou A Tribuna fm Cachoeiro. Em 1982 veio para Vitória dirigir a rede A Tribuna onde ficou até 1998, quando fez um acordo com A Tribuna, fechou o seu contrato de trabalho e lançou a sua coluna diária em A Tribuna, no dia 08 de outubro de 1998. "O grupo João Santos é, e sempre será uma extensão na minha vida, não somente profissional, mas principalmente pela formação de minha vida", diz Maurício Prates para quem quer ouvir.

Deixe seu comentário: