A Celine, uma das principais grifes francesas do mundo da moda, se lançou de cabeça na perfumaria. A marca tinha apenas uma fragrância (Vent Fou, lançada nos idos de 1964) e agora o diretor criativo da casa, Hedi Slimane, chega com uma linha de haute parfumerie com 11 fragrâncias unissex e uma loja própria de tirar o fôlego, na Rue Saint-Honoré, em Paris. O espaço, que explora o contraste entre o mármore e a madeira, é marcado por espelhos e obras de arte, assinadas por artistas como Luisa Gardini, Camilla Reyman e Rochelle Goldberg. E por lá não se encontra só perfume: tem também decks de baralhos, dominós, dados etc e tal.

Nove dos 11 perfumes da coleção já estão à venda (Parade, Saint-Germain-des-Prés, Dans Paris, Cologne Française, La Peau Nue e Eau de Californie, para o dia, e Black Tie, Reptile e Nightclubbing, para a noite) – os demais (Bois Dormant e Rimbaud, ambos para o dia) chegam às lojas em 2020. A inspiração vem dos perfumes franceses dos anos 1960 e 1970, com notas de iris, musgo, chipre e rosa.

)
NOVE das 11 fragrâncias da nova coleção de perfumaria da Celine já estão à venda na Rue Saint-Honoré, em Paris
(Divulgação

Deixe seu comentário: