Eles nas redes sociais

“Fui me matricular na academia e a mulher: – qual seu nome? / – Rafaella com dois L / Como a mulher botou meu nome: ‘Rafaela Condoiseli’.”

@usfightt

***

“O medo e a resistência são fortes indicativos do caminho certo a ser percorrido. Observe as coisas que te amedrontam, geralmente é pra lá que você deve seguir. Os limites existem para que possamos superá-los.”

@ferreiroox

GEYZA Toreta e Marcela Vichy em evento de arquitetos

Setor imune

Passado o pânico com o Covid-19, o mercado imobiliário vai levar vantagem por ser uma aplicação financeira segura, ao contrário do acionário, que é volátil na crise. O empresário do setor João Luiz Tovar diz que os recursos disponíveis vão migrar para ativos mais reais, citando lançamento de um condomínio em Três Praias, Guarapari, no último final de semana, quando em dois dias, 264 lotes foram vendidos. “No auge do coronavírus, é algo inacreditável. Há dinheiro circulando. O setor de bens duráveis não vai sofrer”, avalia.

Escritos de Vitória

O Conselho Editorial da Academia Espírito-Santense de Letras definiu as três publicações deste ano nas coleções Escritos de Vitória, Roberto Almada e José Costa. O número 35 vai sair com o tema “Autores e obras literárias de Vitória”. Na Coleção José Costa será reeditado o livro “Quando o Penedo Falava”, com a coordenação de Álvaro José Silva. Já na Coleção Roberto Almada será lançado “Homens e Coisas Espírito-santenses”, de Amâncio Pereira, com pesquisa de Francisco Aurélio Ribeiro e edição de Fernando Achiamé.

Desodorante mineral

Anda esgotando em uma loja de produtos naturais de Vila Velha um desodorante de cristal de potássio feito por laboratório francês, 100% natural, orgânico e vegano. A proprietária Daniela Borghi disse à coluna que a pedra dura cerca de um ano. “Enquanto que os demais antitranspirantes bloqueiam as toxinas, esse desodorante não entope os poros. Pode também ser usado no rosto como primer ou antes dos homens fazerem a barba. Médicos vêm indicando o produto para gestantes, pois é livre de metais pesados, além de ser sustentável”, afirma.

ALEXANDRE Souza, Ivan Cavas, Gabriel Oliva e Pedro Paulo Moyses em noite de comemoração do primeiro ano do Wanted Pub em Salvador
(Junior Lucena)

Aproveitadores

Aviso aos comerciantes que estão elevando os preços injustificadamente neste período, prática condenada pelo Código de Defesa do Consumidor (CDC). O diretor-presidente do Procon-ES, Rogério Athayde, diz que o aumento dos preços cobrados dos consumidores deve ser proporcional ao aumento dos custos. “Aproveitar-se da situação pela qual a população está passando para aumentar os preços dos produtos é prática abusiva. Recomendamos que ajam dentro da legalidade”, avisa. As denúncias podem ser registradas por meio do App Procon-ES (disponível para Android) ou pelo telefone 151.

Limpe seus eletrônicos

A Apple, que sempre orientou seus usuários a limpar os produtos apenas com um pano, finalmente admitiu que pode ser usado álcool isopropílico ou lenços Clorox para desinfetar os aparelhos. E isso é uma medida importantíssima a se tomar neste momento, já que os smartphones carregam germes, bactérias e vírus. Especialistas afirmam que pode ser usado o álcool em gel também, com o cuidado de não deixar entrar o produto nos buracos (como de carregamento de bateria, fone e saídas de áudio).

Saltos esculturais

Os sapatos da temporada não passam despercebidos nas ruas e fotos do Instagram: eles vieram com saltos esculturais. “São saltos e bicos diferentes inspirados na arquitetura e geometria. Quadrados, bolas, triângulos e retângulos substituíram os modelos tradicionais”, conta a expert Raquel Melo, que ressalta também a forte presença do bico quadrado e do bico folha.

KARLY Araújo, Vanessa Cabral, Ellen Cometti, Penha Arraz e Patrícia Caetano em roda de conversa sobre empreendedorismo e empoderamento feminino, no Senac Vitória
 

CIRCUITO

HOJE é Dia de São José, do Carpinteiro e do Marceneiro, Dia Nacional do Artesão e Dia do Consertador. Amanhã, início do Outono, Dia Internacional da Felicidade, Dia Mundial da Saúde Bucal, Dia Nacional do Teatro para a Infância e Juventude e Dia Nacional da Aquicultura.

ZIRINHA Magalhães comunicou aos amigos que a comemoração de seu aniversário, que seria no próximo dia 4, foi cancelada, devido às orientações para evitar eventos e aglomerações e reduzir o contágio do Covid-19. “A vida é nosso bem mais precioso”, disse.

O PROJETO SER – Solidariedade, Educação e Responsabilidade Social, em Laranjeiras, na Serra, oferece cursinho particular Pré-Enem para quem não tem condições de pagar. As inscrições para as 600 vagas prosseguem até amanhã.

JULIA e Fabio Littig adiaram a festa de 15 anos de sua filha Juliana, que seria sábado. “Com o mesmo carinho e cuidado que nos preparamos para receber vocês, nossos amigos, tomamos uma decisão difícil e triste, mas é para a proteção e segurança de todos”, diz a mensagem.

EM CARÁTER preventivo à propagação do coronavírus, o curso de “Prática clínica para alta performance metabólica”, que seria realizado pela Alquimia de amanhã a domingo, foi adiado. Uma nova data será informada aos nutricionistas e médicos participantes.

A FISIOTERAPEUTA Flávia Guimarães embarca para São Paulo na próxima segunda-feira para concluir o curso de Leitura Biológica de Microfisioterapia, no Instituto Salgado. O módulo será sobre Psiquiatria.

A ASSOCIAÇÃO Capixaba de Supermercados (Acaps) suspendeu a realização de todos os treinamentos e cursos promovidos pela entidade até o final de abril. A agenda será retomada assim que a propagação do coronavírus estiver controlada, como medida de segurança para a saúde.

TYCIANA e Júlia Chieppe reduziram o horário de atendimento em seu espaço de moda, na Praia do Canto, para das 12h às 18h. Os atendimentos seguem também pelo WhatsApp 99296-1840.

E TOCA A VIDA!

Artigo anteriorColuna 18 de março
Próximo artigoColuna 20 de março
Maurício Prates nasceu em Cachoeiro de Itapemirim e a comunicação em sua vida começou muito cedo. Aos 11 anos, em 1954, produziu o seu primeiro jornal. Um jornalzinho que falava da escola, dos estabelecimentos de ensino professor Alfredo Herkenhoff. Foi até a papelaria Vieira e pesquisou com Geraldino Poubel o preço da publicação e em seguida percorreu o comércio para vender anúncios e cobrir a despesa do seu primeiro jornal. Não ganhou nada. Só mesmo experiência. No mês seguinte a história mudou e além de publicar o segundo número do jornal, ainda sobrou dinheiro para comprar um sapato novo, ir ao cinema e tomar, de uma só vez, três sorvetes na " Polar", a mais tradicional sorveteria da cidade. E não parou mais. E de lá para cá, deu no que deu! Maurício é bacharel em direito, mas nunca exerceu advocacia. É jornalista e radialista com registros no ministério do trabalho. Tudo guardado em sua carteira de trabalho. Uma única carteira, assinada somente por empresas do grupo João Santos. Sua magistral universidade de vida. O primeiro contrato de trabalho foi na fábrica de cimento, como auxiliar administrativo; depois foi para o Jornal Arauto - que circula desde de 1976 sob sua direção -. em 1978 foi contratado pela Nassau Editora Radio e TV e montou A Tribuna fm Cachoeiro. Em 1982 veio para Vitória dirigir a rede A Tribuna onde ficou até 1998, quando fez um acordo com A Tribuna, fechou o seu contrato de trabalho e lançou a sua coluna diária em A Tribuna, no dia 08 de outubro de 1998. "O grupo João Santos é, e sempre será uma extensão na minha vida, não somente profissional, mas principalmente pela formação de minha vida", diz Maurício Prates para quem quer ouvir.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here