Longe do trabalho na TV durante a quarentena, Marina Ruy Barbosa investiu em um novo projeto. No domingo (26), lançou a Ginger, marca de moda sustentável. Todas as peças disponibilizadas se esgotaram no mesmo dia.

“Acredito em uma moda com olhar para o futuro, com mais atenção ao meio ambiente e preocupada com o impacto. Ter uma marca que tivesse o meu DNA, em que eu participasse de todos os detalhes – desde a criação de marca e tudo o que envolve um projeto novo, até a escolha de tecidos junto com a equipe (entendendo todos os impactos que cada um causam ao nosso planeta!) -, fazer uma moda fashion, com modelagens e acabamentos que eu acredito”, escreveu em seu Instagram.

A coleção “Prefácio” tem 100% do lucro revertido para a ONG Gerando Falcões, que atua nas favelas. Os primeiros itens em algodão apresentados no e-commerce custam R$ 367 (shorts), R$ 417 (calça) e R$ 527 (blusa). Há também uma ecobag em lona pura, de R$ 35. Vale acrescentar que as tags da Ginger, em vez de virarem lixo, são feitas de papel semente, que pode ser plantado.

Na semana passada, Marina chamou atenção ao ir a uma feira livre com conjunto laranja, já promovendo seu lançamento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here