A Palavra

Para começar bem a semana: “O temor do Senhor é o princípio da sabedoria; bom entendimento têm todos os que cumprem os seus mandamentos; o seu louvor permanece para sempre” (Salmos 111:10).

Eles nas redes sociais

“Mania de gostar de gente complicada”

@sobreteucaos

***

“Odeio quando me falam ‘você que sabe’. Meu parceiro, eu não sei de nada não”

@closedfriendsz

Giuliana Arnal com os filhos Carolina e João Victor, em almoço na Enseada do Suá (Nanda Prates)

Recadastramento

Os aposentados e pensionistas do IPAJM, aniversariantes de março, que não participaram do recadastramento, por meio de prova de vida até o último dia 30 de abril, estão com o pagamento suspenso até que regularizem situação. O instituto orienta que esses beneficiários, cerca de 800 pessoas, procurem imediatamente uma das agências do Banestes para se recadastrar, munidos de um documento de identificação com foto.

Premiação

A pesquisa “Método de isolamento de ácidos ARN a partir de depósitos de naftenatos”, fruto da tese de doutorado da professora Eliane Valéria de Barros, do Ifes Vitória, recebeu o Prêmio Inventor 2021 da Petrobras. A premiação reconhece os trabalhos inovadores que resultam em depósitos de patentes. O projeto foi desenvolvido no Programa de Pós-Graduação em Química da Ufes e contou ainda com a participação de pesquisadores da universidade, do Ifes e da Petrobras.

Cultivo

Pela primeira vez, cientistas conseguiram cultivar plantas em amostras de solo lunar trazidas pela missão Apollo 17 há 50 anos. O trabalho, liderado pela Universidade da Califórnia, é um importante passo para que a humanidade consiga produzir seu próprio alimento no espaço, seja na Lua ou em Marte.

Augusto e Larissa Sato com Acácia Pereira e Bruno Medeiros em lançamento de startup capixaba (Mônica Zorzanelli)

Valorização

O fim da obrigatoriedade das máscaras turbinou o hábito de tirar selfies novamente. Para garantir um efeito satisfatório nas fotos, muitos buscam a harmonização orofacial (HOF). Para a especialista em HOF, Larissa Lima, alerta que é preciso alinhar as expectativas com o resultado possível de ser alcançado. “É importante durante a anamnese estudar as características do paciente e, dentre suas características pessoais, valorizar a beleza por meio das técnicas de harmonização”, explica.

Baixa adesão

A menos de um mês para o fim da Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza e da Campanha Nacional de Seguimento e Vacinação de Trabalhadores da Saúde contra o Sarampo, a Secretaria da Saúde alerta para a baixa adesão dos grupos prioritários. Pouco mais de 18% da população infantil de seis meses a menores de 5 anos foi imunizada para Influenza e 17% contra o Sarampo. As campanhas acontecem até o dia 3 de junho.

Poesia

Na última semana, alunos do Ensino Fundamental da Educação de Jovens e Adultos (EJA), da Escola Estadual Cora Coralina, da Casa de Custódia de Vila Velha, realizaram uma produção coletiva de poesia. Na ação, a poesia foi utilizada como força de expressão, buscando pensar a construção de uma vida digna, em conformidade com os contratos sociais, além de reforçar os valores trabalhados.

Ingrid Castro prestigiando a empresária Liliane Porto, em tarde de negócios com mulheres empreendedoras do Espírito Santo

Sustentável

O Campus Aracruz do Ifes inaugurou as usinas fotovoltaicas da unidade, instaladas durante o período em que as atividades pedagógicas e administrativas estavam sendo realizadas de forma telepresencial. As duas usinas, que foram demandas priorizadas pelo campus durante o projeto Reitoria Itinerante, têm capacidade para gerar, juntas, 120 kWp de energia. A expectativa é que o investimento de R$ 478 mil seja recuperado com a economia de energia contratada pelo campus em menos de 5 anos.

Queda

A elevação da taxa de juros nos EUA trouxe impactos exacerbados no mercado financeiro, e a Apple também está sentindo isso. A fabricante do iPhone teve queda de 350 bilhões de dólares em seu valor, o que fez a petrolífera árabe Saudi Aramco tomar a frente e ocupar a posição de empresa mais valiosa do mundo.

Ingrid Castro prestigiando a empresária Liliane Porto, em tarde de negócios com mulheres empreendedoras do Espírito Santo

Artigo anteriorColuna 15 de maio
Próximo artigoColuna 17 de maio
Maurício Prates nasceu em Cachoeiro de Itapemirim e a comunicação em sua vida começou muito cedo. Aos 11 anos, em 1954, produziu o seu primeiro jornal. Um jornalzinho que falava da escola, dos estabelecimentos de ensino professor Alfredo Herkenhoff. Foi até a papelaria Vieira e pesquisou com Geraldino Poubel o preço da publicação e em seguida percorreu o comércio para vender anúncios e cobrir a despesa do seu primeiro jornal. Não ganhou nada. Só mesmo experiência. No mês seguinte a história mudou e além de publicar o segundo número do jornal, ainda sobrou dinheiro para comprar um sapato novo, ir ao cinema e tomar, de uma só vez, três sorvetes na " Polar", a mais tradicional sorveteria da cidade. E não parou mais. E de lá para cá, deu no que deu! Maurício é bacharel em direito, mas nunca exerceu advocacia. É jornalista e radialista com registros no ministério do trabalho. Tudo guardado em sua carteira de trabalho. Uma única carteira, assinada somente por empresas do grupo João Santos. Sua magistral universidade de vida. O primeiro contrato de trabalho foi na fábrica de cimento, como auxiliar administrativo; depois foi para o Jornal Arauto - que circula desde de 1976 sob sua direção -. em 1978 foi contratado pela Nassau Editora Radio e TV e montou A Tribuna fm Cachoeiro. Em 1982 veio para Vitória dirigir a rede A Tribuna onde ficou até 1998, quando fez um acordo com A Tribuna, fechou o seu contrato de trabalho e lançou a sua coluna diária em A Tribuna, no dia 08 de outubro de 1998. "O grupo João Santos é, e sempre será uma extensão na minha vida, não somente profissional, mas principalmente pela formação de minha vida", diz Maurício Prates para quem quer ouvir.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here